Quarta-feira, 2 de Abril de 2008

Desemprego


Numa das paredes cinzentas da sua (?!) casa que o banco quer de volta, colou um post-it onde escreveu uma frase – com caneta de feltro preta e caligrafia descontrolada, que diz assim “aqui mora um desempregado de longa duração que foi pau para toda a obra e agora nem nas obras consegue emprego”. Apesar do desespero que a fragilidade da situação lhe provoca, disse-me ontem com um sorriso sarcástico “são curiosas as voltas que a vida dá: quando trabalhava ansiava por descansar; agora que descanso só penso em trabalhar”.

Alberto Oliveira  Minguante

Publicado por João Monge Ferreira às 11:16
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
|
blogs SAPO

.subscrever feeds

.Tags

. todas as tags

.Links

.Participar

. Participe neste blog

.Posts recentes

. Discutindo Ecologia

. Tertúlia na Casa do Lavra...

. Wine Tasting

. Amigos do Pedal

. Moscow

. Pesca Desportiva

. Agências on-line

. Mobilidade em bicicleta

. MÁS ONDAS NO BRASIL

. 15 prédios verdes ao redo...

. THE SECRET (O SEGREDO) - ...

. FARTO DO AUMENTO DOS COMB...

. PORTUGAL VERDE 2008

. Carro Low cost

. Vinho Virtual

. The Vancouver Sun Run 200...

. A maior flor do mundo - ...

. 100 dias de bicicleta em ...

. Arrábida Limpa

. Tropa de Elite" foi o fil...

.Arquivos

EmocionalTur

↑ Grab this Headline Animator